avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados.
Rouxinol-do-mato
Cercotrichas galactotes
Este insectívoro é típico dos ambientes
mediterrânicos, envergando uma cauda
vistosa, que ergue frequentemente numa
característica posição.
Identificação
A sua característica mais marcante reside na cauda ruiva com pontas pretas e
brancas, que ostenta frequentemente levantada. A tonalidade geral do corpo é
pálida, sendo mais escuro no dorso que no peito. Possui um padrão facial bem
marcante, com uma lista ocular e um bigode escuros.

Abundância e calendário
Pouco comum e de distribuição restrita ao quadrante sueste do território, ocorre
sobretudo em vales de zonas secas, junto a rios ou a ribeiras temporárias, com
algum mato, também em vinhas de zonas quentes. O rouxinol-do-mato é um
migrador estival tardio, podendo ser observado entre o princípio de Maio e o mês
de Agosto.
Onde observar

Beira interior – a espécie é rara nesta região; existem raros registos na
zona do Tejo Internacional.

Alentejo os melhores locais centram-se nos vales das ribeiras afluentes
do Guadiana, junto à albufeira do Esporão, e na zona de Mértola. Ocorre
também nas zonas da Vidigueira e de Castro Verde.

Algarveestá presente sobretudo na parte nordeste da região, em
especial nos vales das ribeiras afluentes do Guadiana (Odeleite e Vascão).
Sabe quando chegam
os primeiros rouxinóis-do-mato?
Veja as datas
aqui
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites
.
Clique na seta para ouvir o canto do rouxinol-do-mato!
Estatuto de conservação em Portugal:

Quase ameaçado