avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados.
Lugre
Spinus spinus
Também conhecido pelo nome de pintassilgo verde, o lugre é um fringilídeo
extremamente acrobático, pode muitas vezes ser visto pendurado de cabeça para
baixo, enquanto procura alimento nas árvores.
Onde observar

Devido às grandes variações na sua abundância, existe alguma imprevisibilidade quando à sua
ocorrência. Indicam-se alguns locais onde a espécie pode ser vista nos anos de maior abundância.

  • Trás-os-Montes pode ser visto em Pedras Salgadas, no Parque do Corgo em Vila Real e
    no Parque Florestal em Vila Pouca de Aguiar.




  • Alentejo – a zona de Marvão é um bom local para observar este fringilídeo.

Identificação
A plumagem é preta e amarela, sendo o bico cónico, característico das aves
granívoras. No caso dos machos, é visível a coroa preta, que se estende até à
testa; a fêmea é menos contrastada; ambos os sexos apresentam na asa uma risca
amarela orlada de preto.

Abundância e calendário
O lugre é um invernante que surge em números muito variáveis de ano para ano:
em certos anos (por vezes chamados “anos de lugres”) a espécie é muito
abundante, enquanto que noutros é particularmente escassa.
Surge muitas vezes em bandos numerosos, que podem juntar dezenas ou mesmo
centenas de aves. Frequenta zonas de folhosas, desde parques até matas ripícolas.
Observa-se de meados de Outubro a meados de Abril.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites
.
Clique na seta para ouvir o canto do lugre!
Estatuto de conservação em Portugal:

Pouco preocupante